(Reuters) – A companhia aérea Norwegian Air está cancelando as suas operações a partir de Copenhague e Estocolmo para os Estados Unidos e Tailândia, devido à fraca demanda e problemas técnicos que afetam os motores em seus aviões Boeing 787 Dreamliner.

Os voos entre Oslo e os Estados Unidos continuarão, enquanto as rotas entre a Noruega e a Tailândia estão sendo analisadas, disse a última iniciativa para reduzir custos e restaurar lucros após uma rápida expansão, deixando a companhia sobrecarregada por dívidas.

“A Escandinávia não é grande o suficiente para manter voos intercontinentais de Oslo, Estocolmo e Copenhague”, afirmou o vice-presidente sênior de vendas, Matthew Wood, em comunicado.

As ações da Norwegian caíram 2,2% às 13h10 GMT, embora as ações da rival nórdica SAS ( SAS.ST), que tem vôos diretos de Estocolmo e Copenhague para os Estados Unidos, aumentaram 2,7%.

Para conter as perdas, a Noruega cortou rotas não lucrativas, dizendo no mês passado que reduziria a capacidade em 10% no próximo ano, o primeiro plano a encolher em quase duas décadas de história.

Os acionistas aprovaram na quarta-feira uma emissão de ações e títulos, anunciada no mês passado, para arrecadar US $ 273 milhões em dinheiro.

A Norwegian planeja usar o dinheiro extra para ajudar a cobrir os custos resultantes do aterramento de sua frota de curta distância de aeronaves Boeing 737 MAX, e para contornar problemas com motores em seus aviões Boeing 787 Dreamliner.


DEIXE UMA RESPOSTA