Quase na véspera do início das operações da FlyBondi, a Norwegian Argentina anunciou que recebeu o certificado de operação emitido pela ANAC da Argentina, além de receber o primeiro avião da empresa, um Boeing 737-800.

Com o certificado de operação em mãos a companhia poderá iniciar seus voos no mercado doméstico da Argentina. A primeira operação contraria a atual frota da empresa, e será realizada com um Boeing 787, em um voo de Londres para Buenos Aires no dia 14 de fevereiro, a aeronave será transferida da matriz norueguesa para a filial na Argentina.

Mesmo com uma proposta de ser Low Cost, a Norwegian poderá enfrentar a mesma dificuldade de mercado da FlyBondi, onde uma legislação limita o preço mínimo da passagem aérea. A Norwegian só pode vender passagens com valor 20% abaixo da tabela estabelecida pelo país, que também costuma cobrar gordas taxas de embarque.

Para começar as operações na Argentina, a companhia solicitou nada menos do que 17 rotas, para 14 cidades do Brasil, um número impensável até então mesmo envolvendo todas as companhias atuais.

Além dessas rotas a companhia também solicitou outras 153 rotas, um número bastante otimista considerando o mercado aéreo e a população da Argentina. Cerca de 73 delas são para destinos domésticos, e 80 para rotas internacionais, ligando a Argentina à países da América do Sul, Europa, Estados Unidos (12 para cidades americanas) e Oceania.

No Brasil a companhia planeja voar de Buenos Aires para Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Maceió, Natal, Porto Alegre, Porto Seguro, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo e Rio de Janeiro.

Além disso a companhia planeja voar de Córdoba para Salvador e São Paulo, com outro voo saindo de Mendoza para São Paulo.

A companhia começará inicialmente com uma frota de 10 aviões no estilo do Boeing 737, mas planeja expandir rapidamente para 70 aviões essa frota, já com aeronaves maiores (787) nessa conta. Assim ela seria capaz de transportar 17 milhões de passageiros até 2024, interligando sua rede regional, doméstica e internacional em Ezeiza.

No mercado de voos de longa distância a Norwegian Air Argentina também planeja voos para a Espanha, França, Havaí e Itália.

 

Veja abaixo o primeiro avião da companhia: