Azul

A Associação Latino-Americana e do Caribe de Transporte Aéreo (ALTA) informa que as companhias aéreas que operam no mercado da América Latina e Caribe transportaram 15.9 milhões de passageiros em novembro de 2020, 54,8% a menos (ou 19.262.482 passageiros a menos) do que no mesmo período do ano anterior.

Novembro foi, no entanto, o mês de maior volume de tráfego aéreo desde o início da pandemia da Covid-19. O bom resultado se deveu à reativação das operações em praticamente todos os os países da região, exceto a Venezuela.

México, Brasil e Colômbia foram, mais uma vez,  os mercados que mais impulsionaram a recuperação do setor: 4,7 milhões de passageiros viajaram dentro do Brasil, 42% a menos que em novembro de 2019.

No México, as companhias aéreas movimentaram 2,9 milhões de passageiros domésticos, 37% a menos do que os 4,6 milhões transportados em novembro de 2019. Já na Colômbia, a redução foi de 61% com quase 1 milhão de passageiros viajando no país.

“O tráfego doméstico regional foi responsável por quase 70% do tráfego total de novembro, com 10,7 milhões de passageiros, uma redução de 48% em relação a 2019. É importante notar que o tráfego doméstico não é afetado por requisitos que reduzem a demanda, como testes PCR ou quarentenas, revigorando os mercados internos”, disse José Ricardo Botelho, diretor-executivo e CEO da ALTA.

Botelho ressalta ainda que recentes medidas anunciadas por países que estavam com suas fronteiras abertas e irrestritas e que voltam a impor barreiras para a entrada de estrangeiros podem ter sérios impactos sobre a recuperação do setor aéreo.

“Solicitamos aos países que avaliem suas decisões e mensurem o alto risco que a perda de conectividade e demanda representam para a população em decorrência da implantação de medidas pouco eficientes e sustentáveis. Esperamos acima de tudo que as fronteiras continuem abertas e que o espírito positivo se mantenha com o início das campanhas de vacinação contra a Covid-19.”, destacou.

Para acessar a íntegra do relatório de tráfego aéreo da ALTA relativo ao mês de novembro de 2020, clique em https://www.alta.aero/news/reporte-de-trafico/reporte-de-trafico/relatorios-de-trafego-novembro-2020/?lang=pt

 

Via: ALTA

 

DEIXE UMA RESPOSTA