O programa SpaceJet da Mitsubishi Aircraft sofreu outro grande atraso, com a primeira entrega sendo adiada potencialmente em mais um ano da meta então estabelecida.

Em seu anúncio de resultados do terceiro trimestre, a Mitsubishi Heavy Industries (MHI), controladora da Mitsubishi Aircraft, disse que “a primeira entrega comercial da SpaceJet deve ocorrer em 2021 ou 2022”

O exercício financeiro de 2021 no Japão ocorre de abril de 2021 a março de 2022. A All Nippon Airways (ANA) deveriam receber a primeira aeronave, uma SpaceJet M90, em meados de 2020.

Um relatório da Nikkei Asian Review de 25 de janeiro atribuiu o adiamento da primeira entrega ao atraso no envio de peças, o que afetará a certificação da aeronave no Japão.

Spacejet M90- Foto:Greg Waldron / FlightGlobal

Para o atual ano fiscal japonês de 2019, que termina em abril, a MHI espera que as “atividades comerciais” relacionadas ao programa SpaceJet resultem em um prejuízo de Y270 bilhões (US$ 2,5 bilhões) em atividades comerciais, e representem perdas de Y60 bilhões atribuíveis aos acionistas da MHI.

A suíte executiva da Mitsubishi Aircraft também verá uma mudança. A partir de 1º de abril, o presidente da Mitsubishi Aircraft, Hisakazu Mizutani, se tornará o presidente da empresa.

“Nesta função, ele supervisionará a governança da organização global da Mitsubishi Aircraft Corporation, além de liderar os profundos relacionamentos da empresa com a All Nippon Airways e a Japan Airlines“, diz MHI.


Os dados de frotas fornecidos pela Cirum indicam que existem agora 163 pedidos para a aeronave, com outras 124 opções de compra.

 

Fonte: Flight Global

DEIXE UMA RESPOSTA