S-70M Black Hawk Sikorsky Lokcheed
Baseado no UH-60M do US Army, o S-70M será fabricado na Polônia pela PZL Mielec. Foto: Lockheed Martin.

O novo Sikorsky S-70M Black Hawk recebeu um certificado da Administração Federal de Aviação (FAA), permitindo que o helicóptero seja vendido para operadores civis e comerciais nos Estados Unidos. 

O modelo será fabricado na Polônia pela PZL Mielec, uma subsidiária da Lockheed Martin. A FAA concedeu o Certificado de Aeronavegabilidade Especial de Categoria Restrita ao S-70M que, segundo a Flightglobal, limita suas operações a três missões principais: operações agrícolas, transporte externo de carga e conservação da floresta e da vida selvagem, o que inclui combate a incêndios.

O Black Hawk já é usado por agências públicas não militares, como o Departamento de Silvicultura e Proteção contra Incêndios da Califórnia (CAL FIRE) e o Corpo de Bombeiros do Condado da Califórnia (LACoFD). Contudo, tais operações são permitidas pelas regras de uso público da FAA, que não se aplicam a operadores comerciais.
S-70 Firehawk do Departamento de Florestas e Proteção contra Incêndio do Estado da Califórnia, agência que encomendou um total de 12 aeronaves, o maior pedido até o momento. Foto: Sikorsky.

“Com a certificação de tipo, os novos helicópteros S-70M Black Hawk de produção na configuração mais recente estão disponíveis para o mercado comercial/civil dos EUA pela primeira vez”, disse Jason Lambert, vice-presidente da Sikorsky Global Commercial & Military Systems. 

“Internacionalmente, onde a categoria restrita da FAA não é amplamente aceita, podemos agora discutir com outras autoridades da aviação civil o potencial de validar a aeronave para desafiar as operações civis no espaço aéreo de seus países.”

Primeira entrega para cliente

Com o anúncio da nova certificação, ocorreu também a primeira entrega do S-70M para um cliente civil. A companhia de serviços públicos San Diego Gas & Electric recebeu o primeiro Black Hawk civil no dia 18/11, na Sikorsky Training Academy em Stuart, Flórida. 

O modelo será usado para missões combate a incêndios florestais, devendo ser reconfigurado para o padrão Firehawk pela United Rotorcraft.

A instituição já opera, desde 2019, um S-70A Black Hawk fabricado na década de 1980 através de leasing. Além disso, o Corpo de Bombeiros da Cidade de San Diego também opera o S-70 na configuração Firehawk.

S-70 Firehawk do Corpo de Bombeiros de San Diego reabastecendo o tanque. Foto: SDFD.

A FlightSafety International desenvolveu o currículo de treinamento para o novo Black Hawk e também atualizou um simulador de S-70i para o novo padrão. O trabalho está em andamento com a FAA para obter a aprovação da Parte 142 para seu curso de treinamento. 

“Como parceiro de treinamento autorizado do S-70 Black Hawk da Sikorsky, a FlightSafety vê a importância do modelo S-70M para o mercado global de helicópteros”, disse David Harper, gerente central do FlightSafety Learning Center em West Palm Beach, Flórida. 

“A FlightSafety está entusiasmada com o fato de que os pilotos que precisam de qualificação inicial de tipo no S-70M ou um upgrade de piloto de transporte aéreo em breve serão capazes de obter essas classificações em nossas instalações.”

DEIXE UMA RESPOSTA