Enquanto da NASA anunciou os primeiros astronautas que vão retornar à Estação Espacial Internacional, a Boeing também apresentou suas estimativas para o primeiro lançamento da cápsula CST-100 Starliner com tripulantes a bordo.

 

Astronautas e primeiro voo à ISS

Os primeiros astronautas que vão reinaugurar as missões tripuladas dos EUA para o espaço vão em uma cápsula Dragon Crew da SpaceX. A empresa de Elon Musk já declarou que vai realizar uma missão de teste em novembro de 2018, sem a presença de tripulantes a bordo, para testar os sistemas básicos da nova cápsula.

Já os astronautas Bob Behnken e Doug Hurley serão responsáveis pela primeira missão tripulada em abril de 2019, caso não ocorra nenhum problema com essa espaçonave que resulte no atraso da missão. 

Posteriormente a cápsula voltará ao espaço ainda no primeiro semestre de 2019, com os astronautas Victor Glover e Mike Hopkins a bordo, rumo à Estação Espacial Internacional, a primeira missão desse tipo realizada totalmente pelos EUA, depois da aposentadoria do Space Shuttle.

As três cápsulas serão lançadas a partir do foguete Falcon 9 Block 5, no histórico PAD 39A do Kennedy Space Center, local que já realizou as missões Apolo e do Space Shuttle.

 

Na Boeing

Já a Boeing, com sua cápsula CST-100 Starliner, declarou que precisou atrasar levemente o programa de desenvolvimento das missões, após problemas com o sistema responsável por abortar a missão em caso de problemas no lançamento.

Dessa forma a CST-100 só fará seu primeiro lançamento em alguma data entre o final de 2018 e o início de 2019, a programação é a mesma da SpaceX, a primeira missão é sem tripulantes, seguida por uma missão de testes orbitando a Terra e outro para a ISS, que só deve ocorrer no segundo semestre de 2019.

Apesar disso a Boeing já anunciou os astronautas que vão compor as missões tripuladas. Chris Ferguson, que liderou a última missão do ônibus espacial, fará seu quarto voo espacial, juntamente com os astronautas da NASA Eric Boe e Nicole Mann. Serão três pessoas na primeira missão da cápsula ao espaço.

A Boeing vai revelar tripulantes de reserva posteriormente, em conjunto com a NASA.

O foguete responsável por levar os astronautas na cápsula da Boeing é o veterano Atlas V, fornecido pela ULA (uma aliança entre a Boeing e Lockheed).