Obras avançam no Aeroporto de Maringá, que será fechado temporariamente em dezembro

O Aeroporto de Maringá está passando por uma grande reforma, incluindo a expansão da taxiway principal do terminal e um leve aumento da pista de pousos e decolagens. Os trabalhos começaram no final de 2019 e devem ser finalizados até o início de 2021.

Com investimento total de R$ 105,6 milhões, a pista de pousos e decolagens deve ganhar quase 300 metros, passando de 2100 metros para 2380 metros de comprimento.

Já a taxiway será praticamente nova, criada para agilizar os procedimentos em solo, e aumentar a capacidade de pousos e decolagens. O terminal vai ganhar uma modernização, para expandir a sala de embarque.

O aeroporto ainda vai receber obras de expansão no Seção Contra Incêndio (SCI) do Corpo de Bombeiros e implementação de auxílios à navegação aérea.

Foto atual da Prefeitura de Maringá mostra estágio atual das obras na taxiway do aeroporto.

A sala de desembarque passou por repaginação, especialmente no setor de retirada de bagagens, que ficou bem mais prática e com menos riscos de avarias ou extravios. Tanto no pavimento térreo quanto no andar superior do terminal foram aplicadas trilhas com pisos tácteis para mobilidade de pessoas com deficiência visual.

Em virtude da terceira fase das obras de reforma e ampliação do Aeroporto Regional de Maringá, haverá a interdição total do aeródromo no período de 01 a 15 de dezembro do corrente ano, pois nessa fase ocorrerá a reconstrução do pavimento asfáltico da pista de pouso e decolagem, bem como melhorias que aumentarão seu índice de resistência.

As informações sobre cancelamentos e transferência de voos devem ser obtidas diretamente com as companhias aéreas que operam no aeródromo.


Veja mais no vídeo abaixo:

 

DEIXE UMA RESPOSTA