Operadores aeroportuários e aéreos ganham novos manuais sobre reporte, reparo e manutenção de pista

Aeroporto de Curitiba
Foto - Divulgação / Infraero

Com objetivo de promover a melhoria contínua da segurança operacional nos aeroportos do país e de fornecer orientações e suporte aos operadores aéreos e aeroportuários, a Agência Nacional de Aviação (ANAC) lançou nesta semana manuais voltados ao projeto de reparo, manutenção e reporte de pista.

As publicações fazem parte das ações previstas no Programa Voo Simples, lançado pela ANAC e pelo Governo Federal para modernizar e desburocratizar o setor da aviação no país. Em breve, novas publicações serão disponibilizadas pela Agência.

Um dos manuais disponibilizados pela Agência é o de Avaliação e Reporte das Condições de Superfície de Pista (clique para acessar), que detalha a metodologia Global Reporting Format (GRF) – formato global de reporte para as condições de superfície de pista previsto pela Organização da Aviação Civil Internacional (OACI).

O documento faz parte de um projeto pioneiro na América do Sul para implementação da metodologia GRF, e resultado da experiência adquirida em projeto piloto no Aeroporto Internacional de Curitiba.

O procedimento de reporte padronizado focou principalmente em condições de chuva, motivo que fez com que o terminal de Curitiba fosse escolhido para essa iniciativa.

Outro documento inédito disponibilizado pela ANAC aos operadores de aeroportos é o Manual de Sistemas Elétricos em Aeródromos (clique no link para acessar).

Embora o Regulamento Brasileiro da Aviação Civil (RBAC) n° 154 aborde os diversos requisitos aplicáveis aos sistemas elétricos em aeródromos, o manual traz orientações adicionais que auxiliam no projeto e nas instalações em ambientes aeroportuários, em especial aqueles destinados à alimentação dos sistemas de iluminação que compõem os auxílios visuais.


Novas edições

Além da divulgação dos manuais inéditos citados, nesta semana, a Agência publicou também a 3ª edição do Manual de Obras e Serviços de Manutenção (clique para acessar).

O documento teve seu material atualizado por conta da publicação da Instrução Suplementar (IS) n° 154-001A, denominada “Auxílios visuais para pátios de aeronaves”.

Adicionalmente, foram incluídas no manual material sobre as melhores práticas para o recapeamento de pistas com grooving, orientações adicionais sobre o cenário de deslocamento de cabeceira, entre outros.

No mês passado, outras duas publicações foram disponibilizadas pela ANAC, são elas: Manual de Orientações Sobre AVSEC Durante a Pandemia de COVID-19 e Manual de Melhoria Contínua de AVSEC 2020.

Os documentos apresentados e os demais manuais publicados pela Agência, estão disponíveis para consulta na página Publicações (clique no link para acessar).

 

DEIXE UMA RESPOSTA