(Reuters) – Um passageiro de um avião comercial que estava a caminho de Moscou vindo da Sibéria foi detido pela polícia depois de ter forçado o avião a fazer um pouso não planejado em Khanty-Mansiysk, disseram investigadores russos nesta terça-feira.

O passageiro tentou entrar na cabine do piloto durante o voo e exigiu que o avião mudasse de rota, disseram os investigadores em um comunicado, o passageiro alegou ter uma arma ao ameaçar os comissários. Ele estava bêbado, acrescentaram.

A companhia aérea Aeroflot entregou o passageiro para as autoridades, o incidente aconteceu no dia 22 de janeiro, envolvendo um Boeing 737-800 da companhia que operava o voo SU1515.