Patrulha aérea civil dos EUA encomenda 17 aviões da Cessna para renovação da frota

Foto: Textron Aviation

A Cessna conseguiu um pedido da Patrulha Aérea Civil dos EUA (CAP) para 17 aeronaves de sua família de motores a pistão, que substituirá os modelos mais antigos da frota da organização administrada por voluntários.

O acordo, assinado em 4 de junho, é para 11 aeronaves Skyhawk 172S, cinco Skylane 182Ts e uma Turbo Stationair T206HD. As entregas dos aviões de asa alta começarão no quarto trimestre, diz a Cessna, com o exemplar final a ser entregue no final de 2020.

A CAP é a maior operadora mundial de pistão único da Cessna, com uma frota de quase 550 aeronaves, composta principalmente por Skyhawks e Skylanes de longo alcance.

Sediada na Maxwell, no Alabama, a CAP recebeu recentemente um par de T206HDs de um pedido de 2019 com a Cessna para 19 aeronaves. “O exemplar final desta compra será entregue antes do final de 2020”, diz Cessna.

Acrescenta que as aeronaves da CAP “recebem uma pequena quantidade de equipamento extra”, incluindo um transceptor VHF-FM, um transmissor localizador de emergência a 406MHz e tomadas extras de 12V. 

“Desde busca e salvamento, socorro a desastres e segurança nacional, as missões que a PAC realiza diariamente são tão amplas quanto sua presença nos EUA”, diz a proprietária da Cessna, Textron Aviation. 

“A frota de aeronaves a pistão Cessna é reconhecida na aviação geral por seus custos operacionais, desempenho e durabilidade, fatores importantes para uma organização que apoia uma variedade de comunidades em todo o país”, acrescenta.


Em 2019, a PAC salvou 117 vidas e voou quase 96000 horas em sua frota de aviões da Cessna, disse a Textron. 

 

DEIXE UMA RESPOSTA