Investigadores britânicos apontaram que os incidentes com drones em Londres, nos últimos dois meses, envolveram diretamente o encontro de três aviões do modelo A380 com esses veículos pilotados remotamente.

Um desses incidentes aconteceu em Heathrow, onde um drone voou a 20 metros de distância de um A380 que estava a aproximadamente 3400 pés de altura (1026 metros). A aeronave estava realizando uma aproximação por instrumentos, para a pista 27R.

Doze dias depois, no dia 4 de agosto, outra tripulação do A380, descendo para Heathrow, viu um drone passar à direita a aeronave, quando ela estava voando a 4200 pés, em procedimento de aproximação para a pista 27L.

Ambos os incidentes foram classificados na categoria de maior risco de colisão.

Os incidentes com drones afetaram bastante a operação dos aeroportos de Gatwick e Heathrow, em dezembro, com vários voos cancelados e atrasados devido à massiva presença de drones nos arredores dos aeródromos. Empresas especializadas na área militar até ofereceram equipamentos de urgência, com finalidade de detectar os drones e facilitar a punição dos responsáveis.

 

Via – FlightGlobal