O piloto de um voo entre Pune e Nova Délhi, operado pela Air Asia na Índia, decidiu sair da aeronave quando soube que havia passageiros com suspeita de Covid-19 no interior da aeronave.

Após o estacionar a aeronave, ele saiu pela janela da cabine de comando para não se contaminar.

Em comunicado, a Air Asia, explicou que a atitude é uma medida de segurança: “Havia um caso suspeito de passageiros com covid-19 sentados na primeira fileira do voo I5-732, de Pune a Nova Délhi, no dia 20 de março. Depois, os passageiros passaram pelo teste, cujo resultado foi negativo.”

Até a divulgação do resultado do exame, a tripulação que teve contato com esses passageiros se manteve em quarentena.

A empresa afirmou ainda que a aeronave foi retirada de operação para ser desinfectada e higienizada. A Air Asia tomou medidas também para garantir a saúde e segurança dos passageiros desse voo, passageiros com suspeita desembarcaram pela porta dianteira e os demais pela porta traseira.

 

DEIXE UMA RESPOSTA