Presidente da Azul diz à Bolsonaro que encomendou mais aviões da Embraer

Azul

O presidente da Azul, John Rodgerson, declarou ontem (15/01) durante um encontro com o presidente Jair Bolsonaro, que a companhia encomendou mais aviões da Embraer.

A Azul já tem uma encomenda firme para 51 aviões E195-E2, fabricados pela Embraer em São José dos Campos, e já recebeu quatro unidades desse modelo em sua frota.

“Estou aqui para anunciar para você que vamos comprar 75 (aviões comprados da Embraer)”, disse Rodgerson.

A declaração de Rodgerson não cita, no entanto, qual modelo de avião a companhia encomendou da Embraer, dentro da linha E-Jet, e nem se planeja expandir a sua frota de aeronaves E195-E2. Provavelmente a companhia exerceu as opções de compra para mais 24 aeronaves, totalizando 75 aviões encomendados.

John Rodgerson no 1º E195-E2 da Azul.

O presidente da Azul disse à Bolsonaro que planeja receber 27 novos aviões em 2020 e aproveitou para falar com Marcelo Guaranys, secretário executivo do Ministério da Economia, sobre uma forma de simplificar a entrada dos aviões da Embraer na sua frota.

Atualmente a Azul precisa levar os aviões novos da fábrica da Embraer, em São José dos Campos (SP), até o Uruguai, para então a aeronave seguir até Confins, onde é nacionalizada em alguns dias, voando de volta para Viracopos, o hub da companhia.

Esses aviões, de acordo com Rodgerson, são fabricados no Brasil, e poderiam fazer um curto voo da Embraer, em SJC, até Campinas.

 

Mais destinos

Com a compra da TwoFlex, a Azul agora conta com aproximadamente 152 destinos atendidos, quando consideramos os voos da parceira ASTA. Mas Rodgerson não está satisfeito, e disse que em até quatro anos quer voar para 200 destinos.

“A gente está em 150 cidades agora, mas queremos chegar a 200 cidades no país nos próximos 3 a 4 anos”, disse Rodgerson.

Nesta quinta-feira (16/01), dia da declaração sobre a proposta de compra conversada com Bolsonaro, a Azul lançou seu novo voo para Nova York, nos EUA, expandindo sua base internacional. O PORTAL Aeroflap publicou em primeira mão na madrugada de hoje (Clique Aqui para saber mais).

 

DEIXE UMA RESPOSTA