Primeiro voo do novo bombardeiro furtivo B-21 Rider é adiado

Arte do B-21 Rider- Foto: USAF

O primeiro voo do mais novo bombardeiro da USAF, o B-21 Rider da Northrop Grumman foi adiado para não antes de 2022. A informação foi conformada pelo Major General Mark Weatherington, 8º comandante da Força Aérea dos EUA.

A princípio o primeiro voo do B-21 estava previsto para o final de 2021. No entanto, esse atraso não deverá atrapalhar o cronograma de projeto da aeronave furtiva.

Futuro bombardeiro estratégico dos EUA., B-21. Arte- USAF

Assim que o B-21 Rider estiver entrando em serviço, a USAF deve começar a dar baixa nos bombardeiros B-1B Lancer e no furtivo B-2A Spirit. É esperado que os USAF encomendem 10 unidades do novo bombardeiros.

Contudo, o B-21 não será o único, seu companheiro será o clássico B-52H, que mesmo com anos de serviço, será atualizado para manter sua operação por mais um longo tempo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA