Qantas

A companhia aérea de bandeira australiana Qantas, anunciou nesta última quinta-feira (05) que firmou um acordo de compra com a Alliance Aviation, outra companhia aérea da Austrália.

A Qantas possuía 20% de participação da Alliance desde 2019, algo que provocou uma investigação pelas autoridades australianas. 

O acordo foi selado e agora a Qantas possui 100% de controle da empresa, o acordo foi para que os executivos da Alliance tenham ações da Qantas no valor de US$ 3,43 para cada ação. Isso representou 32% do preço médio ponderado da companhia adquirida. 

A Qantas também informou que irá emitir ações avaliadas em US$ 443 milhões, algo que deverá aumentar o lucro por ação aos acionistas da empresa.

Embraer 190 Qantas Alliance Airlines

A companhia aérea de bandeira australiana disse que a nova aquisição vai permitir operar uma malha ampla de transporte e serviços já que a Alliance realiza voos fretados para indústria de mineração da Austrália. 

“O setor de recursos continua a crescer e qualquer nova licitação para serviços aéreos será muito competitiva. Faz muito sentido para nós combinarmos com a Alliance para melhorar os serviços que podemos oferecer, o que é positivo tanto para as companhias aéreas quanto para o público que viaja”, disse Alan Joyce, CEO da Qantas.

“Abrimos várias novas rotas de passageiros usando até 18 E190s da Alliance, então trazer todas as 33 dessas aeronaves, além de suas tripulações, para o Grupo Qantas realmente expandiria o que poderíamos alcançar”. Completou.

Atualmente a Alliance conta com uma frota de 63 aeronaves, com 48 delas ativas. Operando 17 Embraer 190, 22 Fokker 100 e 9 Fokker 70.

 

 

Com informações do AeroTime.