Airbus A380 Qatar Airways aposentadoria
Foto: BriYYZ, (CC BY-SA 4.0), via Wikimedia Commons

Apesar de ter uma das frotas mais modernas do mundo, a Qatar Airways não vê a permanência do Airbus A380 na sua frota para os próximos anos.

Ainda que a companhia tenha reativado algumas unidades para voo, o CEO da companhia, Akbar Al Baker, declarou que irá aposentar todas as unidades restantes do jumbo europeu assim que possível.

“Devido ao aterramento do A350 pelo nosso regulador e por mim com falta de capacidade, minha única alternativa era reativar o A380 com um alto custo… Eu preciso de capacidade, mas assim que eu começar a receber entregas dos novos aviões e tivermos capacidade suficiente, vamos aposentar os A380”, disse Al Baker, conforme relatado pelo site Ch-Aviation

Com os problemas envolvendo a pintura de parte da frota do A350, a Qatar Airways também aguarda pelo recebimento do Boeing 777X, aeronave que atualmente encontra-se com o cronograma de certificação atrasado, dando sobrevida para o A380.

Incluindo o alto custo de operação, o mercado de peças sobressalentes para o A380 é outro motivo no qual a Qatar Airways não avançou na aposentadoria do modelo, sendo que  a Airbus encerrou a linha de produção. Com isso, encontrar novas peças está se tornando uma tarefa mais difícil.

Duramente afetado por conta da pandemia do coronavírus, alguns operadores do A380 optaram por adiantar a aposentadoria do quadrijato, entretanto, a Emirates, Lufthansa, Qantas, Asiana Airlines, Korean Air e Chona Southern Airlines ainda apostam nas operações com o icônico Airbus.

Com informações: Ch-Aviation