Foto: RAF

Os jatos BAE Hawk da Equipe Aerobática da Royal Air Force decolaram da base na RAF Scampton, Lincolnshire, nesta manhã, para iniciar a jornada de 2.658 milhas náuticas através do Atlântico Norte.

Mais de 25 cidades serão visitadas durante 11 semanas, com uma combinação de exposições, flypasts e eventos no solo ajudando a apoiar uma série de interesses do Reino Unido em negócios, comércio, defesa, educação e outros setores.

Royal Team Red Arrows- Foto: RAF

O comandante  Andrew Keith, Comandante do Comando da Equipe Aerobática da Royal Air Force, disse:

“O objetivo desta turnê norte-americana é inspirar pessoas de todas as idades e origens através de uma exibição de classe mundial do melhor dos britânicos.

“Todo mundo da equipe Red Arrows, seja tripulação aérea ou terrestre, juntamente com aqueles que se juntaram a nós de outras partes da RAF em apoio à turnê, estão muito animados e têm o privilégio de representar o Reino Unido diante de milhões de pessoas em todo o Canadá. os Estados Unidos.

“A visita se baseia no sucesso de outras excursões recentes da equipe no exterior, que demonstraram o poder de convocação do Red Arrows e ajudaram a mostrar o Reino Unido”, completa.

Os jatos BAE Systems Hawk da equipe irão fazer alguns pousos durante o voo para que assim posam reabastecer e proseguir para o continente norte-americano. A jornada envolve paradas na RAF Lossiemouth na Escócia, Keflavik na Islândia, Narsarsuaq na Groenlândia e Goose Bay, no Canadá.

Foto: RAF

Espera-se que a travessia demore três dias, sendo a cidade canadense de Halifax, Nova Escócia, o destino pretendido e o primeiro local importante da missão.

O restande da equipe como mecânicos, pessoal de solo, suporte, mída, dentre outras funções horam aem aeornaves de trasnporte como o  A400M Atlas do Esquadrão LXX e Voyager. Além de outros aviões de transporte, da 10 Squadron e 101 Squadron, partiram da RAF Waddington, Lincolnshire, e da RAF Brize Norton, Oxfordshire, respectivamente, transportando pessoal e carga.

Foto: RAF

No entanto, os eventos de solo já estão em andamento, incluindo sessões destinadas a jovens e destacando a importância dos assuntos de ciência, tecnologia, engenharia e matemática. Gatineau será o palco da primeira exibição pública acrobática da turnê, no dia 13 de agosto.

A implantação incluirá cerca de 20 exibições, dezenas de flypasts sobre pontos de referência e 100 eventos terrestres separados, abrangendo várias cidades importantes, como Toronto, Vancouver, Nova York, Chicago, St Louis, Dallas, São Francisco e Los Angeles. Uma visita da costa leste muito mais curta em 2008 foi a última vez que os Red Arrows se apresentaram na América do Norte.

Foto: RAF

A mais recente e maior turnê está sendo realizada em apoio à campanha GREAT Britain do governo – oferecendo oportunidade para melhorar o comércio internacional e o investimento entre o Reino Unido, o Canadá e os EUA, valendo mais de 208 bilhões de libras em 2018.

É também uma oportunidade para marcar o compromisso contínuo do Reino Unido em manter relacionamentos duradouros, prosperidade mútua e ampla cooperação de segurança com aliados antigos e próximos.

Fonte: RAF

DEIXE UMA RESPOSTA