China Rússia CR929
Foto: Divulgação

A United Aircraft Corporation (UAC) iniciou recentemente a produção da fuselagem do CR929, o novo avião produzido em colaboração entre China e Rússia. A empresa responsável pelos componentes é a AeroComposit, conhecida por também construir a fuselagem de material composto do MC-21, fabricado unicamente pela UAC.

O vice-diretor geral de Irkut, Anatoly Gaydansky, escreveu em um fórum russo na internet: “As linhas de produção da fábrica da AeroComposit em Ulyanovsk estão quase 100% ocupadas. A fábrica está trabalhando em dois projetos principais. Uma delas está fabricando as asas e a caixa central do MC-21. O segundo a fabricação de asas para o CR929 russo-chinês”. 

Ele continuou: “Estamos trabalhando nos protótipos [do CR929] e desenvolvendo os processos de fabricação.” 

Foto – China Daily/via REUTERS

Depois os componentes serão transportados da Rússia para a China, onde a COMAC fará a montagem da fuselagem.

A COMAC, na China, também está produzindo alguns componentes para o primeiro avião de testes desde setembro deste ano. A empresa está concentrando a produção de componentes do CR929 em Linang.

O projeto é conduzido por duas estatais da China e Rússia, a Comac e UAC, respectivamente. A montagem final da aeronave será feita em Xangai, devido à fuselagem ser produzida na China. As asas da aeronave, a seção de empenagem e a cauda serão produzidas na Rússia.

Apesar dos atrasos, o primeiro voo comercial do CR929 continua programado para algum período entre 2028 e 2029, e depende do andamento do projeto, que pode sofrer atrasos.

 

DEIXE UMA RESPOSTA