Rússia projeto de nova aeronave

A Rússia tem voltado suas atenções para a indústria local, principalmente em razão de tantas sanções impostas contra o país. Com o desenvolvimento de novas aeronaves e até retorno de antigos projetos, o governo agora tem o foco em um avião que poderá ser o sucessor do Antonov An-124.

Em um comunicado divulgado hoje (07), um grupo de pesquisadores informou que fez algumas modificações no projeto da nova aeronave. As mudanças foram maiores na parte da empenagem, onde se localiza a cauda e os estabilizadores horizontal e vertical.

A fuselagem também sofreu algumas alterações visando dar maior capacidade para o futuro cargueiro, a seção transversal foi modificada. Com isso, o novo avião poderá transportar até 180 toneladas de carga em seu compartimento.

Algumas alterações na ponta das asas foram feitas, mas ainda deverão ser modificadas pois ainda não foi definido o tipo de winglet que será instalado no futuro avião. 

O design da asa também foi modificado, para além de dar uma melhor aerodinâmica para o avião também será para melhor adaptar os novos motores. Os novos turbofan PD-35 são fabricados na Rússia e serão direcionados especialmente para a nova aeronave.

“O projeto é dedicado à pesquisa de tecnologias para desenvolver uma aeronave de transporte promissora para substituir a aeronave de transporte pesado de longo alcance An-124 Ruslan. Esta aeronave será projetada para transportar cargas pesadas e volumosas em uma distância de cerca de 7.000 quilômetros [4.349 milhas] a uma velocidade de 850 km/h [528,13 mph]”, informa o Instituto.

O projeto deverá ser finalizado até o final desse ano, tendo como foco o início dos testes no túnel de vento para avaliar o comportamento aerodinâmico da nova aeronave.

 

 

Com informações do AeroTime.