Segunda maior aeronave de carga do mundo pousa em Salvador

Nesta sexta-feira (11/09), às 06h15, pousou no Aeroporto de Salvador o Antonov An-124, segundo maior avião de carga do mundo.

A aeronave pousou proveniente de Santiago (Chile) e trará consigo um maquinário importado que tem mais de quatro metros de largura e pesa 83 toneladas, o equivalente ao peso de quatro caminhões do modelo Truck

A responsável pela vinda do avião é a empresa de logística Over Projects, especializada em transporte de cargas pesadas. O maquinário tem como destino uma indústria baiana.  

De acordo com dados divulgados em maio pela IBA, empresa de consultoria em aviação, a aeronave de carga mais utilizada é o Boeing 757-200F. Ela possui 47m de comprimento, 13,5m de altura e uma envergadura de 38,5m. 

O cargueiro ucraniano Antonov An-124 tem 69 metros de comprimento, cerca de 21 metros de altura, envergadura de aproximadamente 73 metros e capacidade para transportar até 150 toneladas.  

 

Particularidades 

Uma curiosidade desse modelo de avião é a maneira como é feita a descarga. Enquanto em aeronaves convencionais a descarga é feita pela parte inferior do avião, “na barriga”, no Antonov a descarga é realizada pela parte frontal, elevando o nariz da aeronave.

 Tal característica permite maior praticidade e facilidade para o transporte de cargas grandes e pesadas, como é o caso do maquinário que está sendo trazido para a Bahia. 

Não é todo aeroporto que tem condições de receber um avião desse porte. Para realizar o pouso, essa aeronave necessita de padrões operacionais, infraestrutura e segurança, como os encontrados no Salvador Bahia Airport

O Antonov An-124 é uma aeronave de Código F, ou seja, requer uma pista com 60m de largura e comprimento superior a 1800m. Também necessita de posição de estacionamento que permita a circulação em torno de seus 73m de envergadura de asa, somados a 7,5m de distância de segurança. 

Outro requisito é pavimento adequado para o peso da aeronave, tanto na pista como nas áreas de taxiamento e pátio. 

Devido ao peso concentrado e dimensões das peças, a Over Projects conduziu um estudo de viabilidade, desenhou e fabricou suportes metálicos para agilizar o carregamento na rampa da aeronave, além de contratar guindastes e carretas especiais para movimentação interna em ambos os aeroportos, já que os equipamentos comuns não comportavam uma operação desta magnitude. 

 

Conveniência 

A peça importada vai chegar no Terminal de Cargas do Aeroporto de Salvador (TECA) e lá mesmo passará pelo desembaraço aduaneiro, que é a liberação de uma mercadoria pela alfândega para que esta possa entrar no país

Todo o processo é realizado por um órgão federal e só então as mercadorias podem ser liberadas para o seu destino. Essa é uma conveniência do Salvador Bahia Airporto cliente tem a facilidade, segurança e agilidade de fazer tudo no mesmo local retirada da carga, de forma prática e sem burocracia.

 

DEIXE UMA RESPOSTA