Singapore Airlines Boeing 777

A Singapore Airlines realizou nesta semana, a conversão de duas aeronaves Boeing 777-300ER para ser utilizadas como cargueiras.

Foram retirados todos os assentos da cabine de passageiros, dando espaço para se colocar um bom volume de cargas e aproveitando o grande porão do 777.

Essa é uma medida bem comum para o atual cenário mundial, as companhias aéreas estão em busca de gerar alguma receita para equilibrar o caixa.

A demanda pelo transporte de cargas teve um aumento maior do que o esperado, devido ao transporte de suprimentos para a Covid-19, transporte de encomendas e compras da internet. 

A SIA informou que o primeiro 777 convertido começou a realizar voos no dia 5 de novembro, na rota Cingapura-Tóquio. 

Foto? FlightGlobal

Foto: FlightGlobal

Ao todo foram retirados cerca de 264 assentos, o que significa um aumento de 12% para o volume de cargas que o 777 pode transportar. Os 777-300ER convertidos são os de matrícula 9V-SWN e SWM, foram entregues em 2008 para a Singapore Airlines.

A SIA possui 27 aeronaves desse tipo, sendo 18 delas estão em estocagem devido a crise. A companhia informou que está analisando as possibilidades do mercado antes de preparar mais uma aeronave para ser convertida, e também estuda outras rotas para implementar o seu serviço de cargas.

“Nestes tempos sem precedentes, continuaremos sendo ágeis e respondendo rapidamente às necessidades do mercado”, disse a companhia aérea. 

 

DEIXE UMA RESPOSTA