Southwest adia a entrega de 59 aviões Boeing 737 MAX

Boeing 737 MAX
Foto - Divulgação

A Southwest Airlines, que está entre os principais clientes do Boeing 737 MAX do mundo, adiou a entrega de 59 aeronaves deste modelo, após a sua mais recente previsão de desaceleração na demanda por assentos, causada pela pandemia de coronavírus.

Entre agora e o final de 2021, a Southwest espera receber da Boeing um máximo de 48 aviões 737 MAX, informou a transportadora em 28 de abril. 

Anteriormente a Southwest previa receber esses 59 aviões até o final de 2021.

Com essa nova decisão, a Southwest deverá receber 27 aviões 737 MAX em 2020, além de mais 21 aeronaves em 2021. Boa parte desses aviões já foram fabricados pela Boeing, durante todo o ano passado.

Apesar disso, essa estimativa da Southwest ainda depende da Boeing, visto que a fabricante norte-americana deve atrasar novamente a certificação do 737 MAX, devido às dificuldades de trabalho durante esses meses de pandemia.

A Southwest opera com uma frota única de aeronaves da família 737, e tem cerca de 742 aviões na sua frota, todos da família 737 NG (3ª geração).

 

DEIXE UMA RESPOSTA