Southwest espera receber 737 MAX para o lugar do 737-700 em 2021

Boeing 737 MAX
Foto - Divulgação

Em um anuncio na bolsa de valores hoje(16/12), a Southwest divulgou que espera receber no ano que vem cerca de 35 Boeings 737 MAX. Diversas aeronaves estão paradas na Boeing aguardando a atualização da nova diretriz e posteriormente a entrega as companhias aéreas. 

No grande estoque da Boeing, o maior já feito, tem cerca de 450 aeronaves que ainda serão entregues. A Southwest é a maior operadora do Boeing 737 MAX e a empresa com maior número de pedidos em carteira para a Boeing. Outras empresas com a American Airlines e a United já receberam mais algumas aeronaves.

“A Companhia recentemente fechou um acordo com a The Boeing Company (Boeing Agreement) para receber a aeronave MAX atrasada e atualmente espera receber 35 MAX 8 entregas, incluindo 16 aeronaves arrendadas, até o final de 2021.” Disse a Southwest.

Entretanto, mesmo recebendo 35 novas aeronaves, a frota da Southwest continuará com os mesmo números operacionais. Isso porque a companhia vai aposentar o Boeing 737-700NG, a medida que cada aeronave deixe de operar a empresa recebe um novo 737 MAX.

“A empresa atualmente estima um valor imaterial de despesas de capital com aeronaves no quarto trimestre de 2020 e no ano de 2021.” Completou a empresa.

A companhia estipula um valor praticamente mínimo com a aposentadoria e a troca de aeronaves antigas por novas. O motivo também vai ao que foi acordado com a Boeing durante os meses anteriores, a companhia confirma em nota divulgada na bolsa de valores porém não detalha o acordo. 

A Southwest manteve a cautela e disse que somente voltaria a voar o 737 MAX depois de treinar todos os seus pilotos. Como previsão, o 737 MAX retomaria as operações da empresa no segundo semestre de 2021.


 

DEIXE UMA RESPOSTA