Superjet da Aeroflot pronto em linha de montagem da Sukhoi.

Apesar de ter feito um voo seguro e um pouso também seguro, um Sukhoi Superjet da Aeroflot esteve fora das condições para realizar esse voo. Esta aeronave ficou por um bom tempo armazenada, entre o dia 3 de maio a 15 de julho.

Em julho a aeronave passou por uma revisão para ter condições de retomar suas condições de voo. A Aeronave realizou voos por 2 semanas até retomar as operações.

O Sukhoi Superjet de matricula RA-89044 da Aeroflot quando estava próximo de retonar a malha em 29 de julho, foi encontrado com as proteções de gel sob as valvulas, tampas nos motores e as fitas vermelhas ainda fixadas. 

Para evitar a corrosão, sacos de sílica de gel são colocados ao redor e dentro de várias partes acessíveis de um motor armazenado. Embora esses pacotes tenham o objetivo de absorver umidade e não sejam reativos ou combustíveis, não é viavel ter uma parte do motor ainda tampada ou qualquer outro tipo de objeto perto de um motor de aeronave quando ele estiver em voo.

Segundo o Flightradar24, a aeronave está ativa e ja realizou alguns voos, não se sabe se ainda com as proteções de armazenamentos ainda fixados. 

DEIXE UMA RESPOSTA