A Swiss Air está voltando a operar seus Airbus A220, após uma rigorosa verificação nos motores das aeronaves.

Ontem a empresa suíça paralisou os voos com essa aeronave após incidentes envolvendo problemas nos motores.

“A Swiss decidiu realizar uma inspeção nos motores da frota de aviões A220. Por esse motivo, todos os A220s devem passar por uma inspeção abrangente”, disse um porta-voz da Swiss, disse o comunicado da empresa na data de ontem.

Foto – Swiss

Ontem inclusive aconteceu um incidente durante o voo LX359 de Londres para Genebra, com esse incidente já se somam três que também tem ligação com os motores Pratt & Whitney PW1524G do A220-300.

Os problemas com os motores estão sendo repassados para as companhias que operam esse modelo de aeronave, bem como estão sendo avisados sobre as limitações de velocidade do compressor de baixa pressão, e estão sendo feitas inspeções visuais únicas do boroscópio, como parte de um conjunto de medidas de precaução.

A Airbus diz que “lamenta sinceramente esse inconveniente”, mas diz que as primeiras aeronaves já retornaram ao serviço. Acrescenta que está fornecendo “suporte total” à Pratt & Whitney e às autoridades investigadoras.

 

Fonte de apoio: Flight Global/ Edição: Aeroflap