Kam Air Airbus A340-300 Talibã
Foto: CH Aviaton

O Talibã ordenou que companhias aéreas do Afeganistão não permitam que mulheres estejam viajando sozinhas sem um parente masculino. 

O grupo do Talibã assumiu o poder em meados de agosto do ano passado, desde então tem implementado diversas restrições as mulheres. Além disso com a mudança de poder, diversos cargos públicos ocupados por mulheres foram extintos.

As mulheres estão sendo obrigadas inclusive a usar uma vestimenta com a escrita de Alcorão. Escolas de Ensino Médio foram fechadas dias antes do anuncio da proibição de viagens desacompanhadas.

Funcionários de companhias aéreas já informaram que a nova restrição já está em vigor. 

“Nenhuma mulher pode viajar em um voo local ou internacional sem um parente masculino”, informava a carta.

A decisão foi tomada na última quinta-feira (24) em uma reunião dos lideres do Talibã com representantes das companhias aéreas e autoridades aeroportuárias.

“Algumas que viajavam sem um parente do sexo masculino não conseguiram embarcar em um voo da Kam Air na sexta-feira de Cabul a Islamabad”, disseram passageiros à Agência AFP. 

Anteriormente, os Talibãs haviam proibido mulheres de viajar sozinhas por estradas entre as cidades onde os trajetos não ultrapassem 72km de distância. Ainda não foram esclarecidos detalhes se mulheres estrangeiras deverão seguir as novas regras. 

 

Com informações do Correio Braziliense.