Foto - Via Avianca

Em assembleia realizada nesta quarta-feira (08/05), em São Paulo, tripulantes da Avianca deliberaram por decretar estado de greve, devido ao atraso nos salários e pagamentos de outras verbas e o consequente clima de incerteza, situação que pode afetar a segurança de voo. 

Uma nova assembleia será realizada na segunda-feira (13/05) para deliberar sobre a realização e os termos da paralisação. O edital da assembleia de greve será publicado em breve.

O grupo reivindica também o pagamento de diárias, vale alimentação, férias atrasadas e depósitos de FGTS.

Na última segunda-feira, o TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) concedeu uma liminar que suspendeu a homologação do plano de recuperação judicial da Avianca bem como suspendeu o leilão de ativos da companhia que seria realizado no dia 7.

A liminar vale até que o TJ-SP analise de forma colegiada o recurso apresentado por uma das credoras (Swissport), que defende que seja apresentado um novo plano que atenda a todos os credores e que afirma que o plano atual baseia-se na venda de slots —o que é vedado por lei.

 

Via – Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA)