f-16
F-16 Block 70/ Arte-Lockhhed Martin

Durante uma exposição de produtos militares na Ucrânia, a Lockheed Martin aproveitou para oferecer ao país uma nova aeronave, o F-16 Block 70/72.

O foco da Lockheed é oferecer um caça capaz de modernizar a Força Aérea Ucraniana, que atualmente tem como principais vetores o Sukhoi Su-27, Su-25 e o MiG-29.

Duas propostas foram realizadas para a Ucrânia obter o caça: O país pode optar por comprar aeronaves novas, a um custo maior por unidade, ou comprar unidades usadas que serão modernizadas pela Lockheed, até atingir as características de um Block 70/72.

A empresa norte-americana, contudo, pode ter que enfrentar uma difícil análise do Governo dos EUA sobre esta venda, visto que a Ucrânia é uma antiga aliada da Rússia.

Devido aos modernos equipamentos militares, os Estados Unidos têm o poder de embargo desta venda, assim como a Rússia também pode se opor em relação a uma modernização da Força Aérea da Ucrânia.

O F-16 é um caça de sucesso no mundo, e atualmente mais de 25 países operam aproximadamente 3000 unidades da aeronave de combate. A Lockheed/General Dynamics, por sua vez, já fabricou 4588 unidades em diversas variantes.

Atualmente cinco países operam com a versão mais atualizada do F-16, a Block 70/72, que é produzida desde 2019.

Esses caças F-16 recém-produzidos contam com recursos avançados, como o radar APG-83 AESA, cockpit modernizado com novos recursos de segurança, armas avançadas, motor com desempenho aprimorado e vida útil estrutural estendida, suportando até 12.000 horas de operações.

 

DEIXE UMA RESPOSTA