United Airlines firma acordo de empréstimo com governo dos EUA no valor de US$ 5 bilhões

United Airlines

A United Airlines fechou um acordo de empréstimo com o governo no valor de US$ 5 bilhões. O acordo foi feito com o Departamento de Tesouro dos EUA no dia 28 de setembro, tendo a possibilidade de aumentar também o valor do empréstimo. 

A companhia aérea usou US$ 520 milhões em termos de créditos que foram usados para pagar taxas de transação e despesas. O empréstimo vem com algumas restrições que a companhia precisa cumprir. 

A United está proibida de recomprar ações e pagar dividendos até o ano de 2026. Se a empresa pagar de forma antecipada os valores do empréstimo estará liberada das condições impostas. Como uma das exigências, a United tem de pagar até 2025 a principal parcela.

Para ter as garantias de empréstimo, a companhia usou alguns slots como garantia entre outros ativos. Além disso, para arrecadar ainda mais capital, colocou seu programa de milhagem para privatização. 

O acordo feito com a United acontece alguns dias depois do mesmo acordo ser firmado de forma e condições semelhantes com a American Airlines. A United não demonstrou nenhum interesse em aumentar os valores de seu empréstimo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA