A United Airlines confirmou na noite desta terça-feira (03/12) a sua encomenda para 50 aviões Airbus A321XLR, a versão de maior alcance do A321neo, capaz de cumprir voos de até 8700 km sem escalas para reabastecimento.

Na frota da United as aeronaves vão substituir diretamente o Boeing 757, sendo que muitos operados pela companhia já somam mais de 20 anos de uso.

Essas aeronaves começarão a chegar na frota da United em 2024, e serão inicialmente direcionadas para cumprir voos internacionais para a Europa, com base em seus Hubs de Washington e Newark (que a United trata como Nova York).

A United não divulgou o valor total do acordo com a Airbus, nem mesmo a configuração de assentos das suas novas aeronaves, que serão fabricadas na linha de Mobile, no Alabama (EUA).

A aeronave também foi lançada como uma concorrente do projeto NMA, da Boeing, atrapalhando os planos da fabricante norte-americana.

O A321XLR promete um alcance de até 8700 km com 206 passageiros a bordo, o suficiente para maioria das companhias aéreas dos EUA e Europa, mas a parte incrível essa aeronave fez sucesso na ásia.

Nos Estados Unidos a American Airlines e JetBlue já encomendaram o A321XLR, sendo a American a cliente que fez a primeira encomenda, para cerca de 50 aviões dessa versão.


 

Confira abaixo a nota da United:

A United Airlines anunciou hoje um pedido para comprar 50 novas aeronaves Airbus A321XLR, permitindo que a companhia comece a substituir e renovar sua frota atual de aeronaves Boeing 757-200 e satisfazer ainda mais as necessidades operacionais da companhia combinando a melhor aeronave com rotas transatlânticas selecionadas.

A aeronave de última geração, que a United espera introduzir no serviço internacional em 2024, também permitirá à United explorar destinos adicionais na Europa a partir de seus centros da costa leste em Newark / Nova York e Washington.

“A nova aeronave Airbus A321XLR é um substituto ideal para as aeronaves mais antigas e menos eficientes atualmente em operação entre algumas das cidades mais vitais da nossa rede intercontinental”, disse Andrew Nocella, vice-presidente executivo e diretor comercial da United. “Além de fortalecer nossa capacidade de voar com mais eficiência, os recursos de alcance do A321XLR abrem novos destinos em potencial para desenvolver ainda mais nossa rede de rotas e oferecer aos clientes mais opções para viajar pelo mundo”.

A próxima geração do A321XLR oferece aos clientes uma experiência de voo aprimorada e apresenta comodidades modernas, incluindo iluminação LED, mais espaço no compartimento superior e conectividade Wi-Fi.

Além disso, a nova aeronave reduz o consumo total de combustível por assento em aproximadamente 30% em comparação com a aeronave da geração anterior (O Boeing 757), permitindo à United minimizar ainda mais seu impacto ambiental à medida que a transportadora avança em direção ao seu ambicioso objetivo de reduzir sua emissão de carbono em 50%, em relação aos níveis de 2005, até 2050.

A United planeja começar a receber o Airbus A321XLR em 2024. Além disso, a companhia aérea adiará a entrega de seu pedido do Airbus A350 até 2027 para melhor alinhar-se às necessidades operacionais.