Boeing E-4B "Nightwacth em Brasília- DF

A USAF está procurando uma aeronave para substituir o Boeing E-4B (Boeing 747-200 modificado). O E-4B cumpre missão de ser um comando de batalha móvel para o presidente dos EUA, o secretário de defesa e os chefes de gabinete conjuntos (SAOC WS).

No caso de emergência nacional ou destruição de centros de controle de comando em terra, a aeronave do SAOC fornecerá uma plataforma de comando, controle e comunicação para direcionar forças dos EUA, executar ordens de guerra de emergência e coordenar ações de autoridades civis, diz o aviso da USAF.

“Além disso, o SAOC WS fornece suporte de viagem fora dos continentes dos Estados Unidos para o [secretário de defesa] e sua equipe para garantir o comando estatutário e controlar a conectividade”.

Ao todo a USAF possui quatro E-4B, todos derivados do modelo 747-200, o mesmo modelo do VC-25 (Air Force One). Que inclusive será trocado por um Boeing 747-8 totalmente modificado para o transporte do presidente dos EUA. O novo modelo do 747, a versão 800 pode ser o candidato para ser o novo E-4B.

E-4B “Nightwacth

Mas não é certeza que isso aconteça, pois a Boeing está enfrentando problemas de atraso, sendo que tem a frente três anos de pedido e 18 aeronaves em atraso, de acordo com os últimos dados coletados em 30 de setembro. No entanto, a Boeing não anunciou o fim da produção da aeronave.

O E-4B tem uma capacidade de para até 112 pessoas em seis seções: uma área de trabalho de comando, sala de conferências, sala de reunião, uma área de trabalho da equipe de operações, área de comunicações e área de descanso, de acordo com a USAF. A aeronave pode ainda ser reabastecida em voo.

“Para fornecer apoio direto ao presidente, ao secretário de defesa e aos [chefes de equipe], pelo menos um E-4B [Centro Nacional de Operações Aerotransportadas] está sempre em alerta 24 horas, 7 dias por semana, com uma equipe global de vigilância em uma das muitas bases selecionadas em todo o mundo ”, diz o site da USAF.


Boeing E-4B pousando na base aérea de Yokota, Japão- Foto; USAF

A aeronave se conecta aos líderes do governo dos EUA através de “um avançado sistema de comunicação via satélite”.

“O E-4B é protegido contra os efeitos do pulso eletromagnético e possui um sistema elétrico projetado para suportar eletrônicos avançados e uma ampla variedade de equipamentos de comunicação”, afirma a USAF. “Outras melhorias incluem blindagem de efeitos nucleares e térmicos, controle acústico, uma instalação aprimorada de controle técnico e um sistema de ar condicionado atualizado para o resfriamento de componentes elétricos”.

 

Fonte de apoio: Flight Global/ Edição; Aeroflap

DEIXE UMA RESPOSTA