A Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (FSP/USP) realizará, no âmbito do projeto “Pesquisa para diagnóstico de questões associadas à influência dos fatores humanos nos profissionais que realizam atividades com alto impacto na segurança”, um detalhado estudo sobre as implicações dos fatores humanos na segurança operacional dos aeroportos de Congonhas, Campos de Marte e Guarulhos.

A pesquisa, contratada pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), terá duração de dois anos (até dezembro de 2022) e conta com o apoio da Infraero e da GRU Airport, concessionárias dos aeroportos analisados.

Nesta quarta-feira (20/1), a Diretoria da ANAC, a equipe da Superintendência de Infraestrutura Aeroportuária (SIA), pesquisadores da FSP/USP e representantes da Infraero e da GRU Airport fizeram a primeira reunião para a apresentação do projeto e detalhamento sobre como será a sua condução. O Diretor Rogério Benevides representou a Agência na abertura dos trabalhos.

Iniciativa inovadora no âmbito da segurança operacional em aeroportos, a pesquisa tem o propósito de apresentar um diagnóstico sobre a incidência de aspectos relacionados a fatores humanos nos profissionais aeroportuários e propor conclusões ou recomendações que irão direcionar ações de promoção da segurança operacional nos aeroportos.

Pretende-se avaliar as condições de trabalho e segurança dos profissionais de serviços auxiliares de transporte aéreo (ground handling) de aeroportos, visando a elaboração de recomendações para o aprimoramento da regulação e de aspectos a serem contemplados no Sistema de Gerenciamento de Segurança Operacional (SGSO) de aeródromos. O projeto gerará relatórios parciais a cada etapa concluída (nove no total) e uma análise final em outubro de 2022.

Serão acompanhadas a rotina e cada atividade dos profissionais aeroportuários (fiscais de pátio e condutores de veículos na área de movimento) para a identificação de questões associadas a fatores ambientais e de saúde ocupacional que possam afetar o adequado balanceamento entre a elaboração dos procedimentos operacionais e a capacidade humana para a realização do trabalho.

O acompanhamento do projeto e a fiscalização do contrato entre a ANAC e a FSP/USP serão realizados pela equipe de servidores da SIA.

 

Fonte: ANAC      

DEIXE UMA RESPOSTA