A330 FAB Dublin Irlanda KC-30
O Airbus A330, futuro KC-30 FAB 2901 foi registrado nas instalações da International Aerospace Coatings em Dublin, Irlanda. Foto via Tenente Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista Junior.

O primeiro Airbus A330-200 da Força Aérea Brasileira (FAB) já está pintado no padrão da sua nova operadora. O comandante da FAB, Tenente-Brigadeiro Baptista Junior, compartilhou uma foto da aeronave em suas redes sociais. 

Futuramente, este e outro A330 comprado pela organização militar serão convertidos pra a versão A330 MRTT. 

O jato de matrícula FAB 2901 e designado como KC-30 é o primeiro de dois A330 adquiridos pela FAB a receber as cores da instituição, com a pintura perto de ser concluída nas instalações da International Aerospace Coatings (IAC) no Aeroporto de Dublin, Irlanda. 

A Azul Linhas Aéreas foi a última operadora da aeronave, onde era identificada pelo registro PR-AIS. Antes de fazer parte da frota da Azul, o AIS operou pela Avianca Brasil e Avianca Colômbia com os registros PR-OCJ e N941AV, respectivamente. 

Airbus A330-200 Azul FAB
PR-AIS adquirido pela FAB esteve em operação pela Avianca Brasil. Foto: Leonardo Mello via FAB.

Segundo o Ten. Brig. Baptista Jr., o novo KC-30 deve chegar ao Brasil no dia 26/07 na Base Aérea do Galeão (RJ). Antes, no entanto, o avião irá da Irlanda para os EUA, “onde será recebida contratualmente.”

No Brasil, o modelo será operado pelo Segundo Esquadrão do Segundo Grupo de Transporte (2º/2º GT) – Esquadrão Corsário. 

Da Jordânia para a Irlanda

Antes de chegar a Irlanda, o A330 saiu do Brasil para a Jordânia. A aeronave decolou do Aeroporto de Viracopos (SP) para Amã, na Jordânia, onde passou pelo Check C (revisão) nas instalações da Joramco. 

Como a empresa jordaniana não tinha vagas nas suas instalações de pintura, o KC-30 seguiu para a IAC em Dublin, onde foi fotografado na pintura cinza militar brasileira. Na imagem compartilhada pelo comandante da FAB, o jato ainda ostenta a matrícula civil PR-AIS. 

Futuros aviões-tanque

Os novos KC-30 da FAB foram adquiridos no âmbito do Projeto KC-X3, que buscava adquirir novos aviões de transporte e reabastecimento em voo de caráter estratégico. No dia 06/04 a Azul S.A foi declarada a vencedora do contrato 220004/CABW/2022, da Comissão Aeronáutica Brasileira em Washington. A compra, assinada no dia 18/04, é avaliada em US$ 80.581 milhões.

Airbus A330 MRTT FAB Notícias Aviação Força Aérea Brasileira

A Azul apresentou as aeronaves MSN 1492 (Número de Série do Fabricante), que já operava, e a MSN 1508 (futuro FAB 2902), adquirida no mercado internacional e ofertada para a licitação. Conforme previsto no edital, a primeira aeronave deverá ser entregue em até 90 dias e a segunda em até 150 dias, contados a partir da assinatura do contrato.

Dessa forma, a FAB preenche uma lacuna aberta com a aposentadoria dos últimos Boeing KC-137 (707 ex-Varig convertidos em aviões-tanque), em 2013, e o fim do aluguel de um Boeing 767 em 2019.

REVO AMX KC-137 Reabastecimento em voo
AMX A-1A em REVO com um KC-137. Foto: FAB

Futuramente os KC-30 serão convertidos em A330 MRTT (Multi Role Tanker Transport), através de um contrato separado. Segundo Baptista Jr., a FAB já está negociando esse serviço. O trabalho, que gira em torno de 18 meses, é realizado pela Airbus nas suas instalações em Getafe, na Espanha. 

Saiba mais sobre o A330 MRTT e suas capacidades neste artigo especial do Portal AEROFLAP.