Vídeo: Boeing 777 da Turkish Airlines colide com pássaros após a decolagem

Boeing 777 Turkish Airlines
Foto - ha gayret melcey/ @Ooyleolmuyor

Neste último dia 03 de janeiro um Boeing 777F da Turkish Airlines precisou retornar para o Aeroporto de Istambul (Atatürk), logo após a decolagem. O motivo foi uma colisão com pássaros (Bird Strike) durante os primeiros segundos do voo, causando danos até mesmo nos tubos de pitot.

A aeronave de matrícula TC-LJN então foi estabilizada em baixa altitude pelos pilotos (5000 pés) e começou a alijar combustível acima do Mar de Marmara, para diminuir o peso total do avião e possibilitar o pouso. O procedimento durou cerca de 30 minutos, e o avião então retornou para o mesmo local da partida.

O 777F deveria cumprir um voo de Istambul, na Turquia, para Almaty, no Cazaquistão, que foi realizado por outro avião da frota, de matrícula TC-LJL.

Como podemos observar pelas fotos, o avião ficou bastante marcado na parte do radome, bem como nas laterais, onde os tubos de pitot e outros sensores estão localizados. Os danos ainda são encontrados, mesmo que visualmente, nas asas e nas carenagens dos motores.

“Nosso voo de carga na rota ISL-ALA (Almaty) numerado TK6220 partindo do Aeroporto Atatürk às 8:40 (local) encontrou um bando de pássaros logo após a partida. Nosso avião descarregou combustível por 30 minutos sobre o Mar de Marmara a fim de reduzir peso suficiente para pousar e, em seguida, pousou no Aeroporto Atatürk”, disse a Turkish Airlines em nota oficial.

Veja o avião após o pouso no vídeo abaixo:

DEIXE UMA RESPOSTA