Dois caças de 5º geração Sukhoi SU-57 foram vistos sobrevoando a Síria recentemente. Tal fato está circulando nas mídias voltadas para assuntos militares e sendo bastante questionada por especialistas da área.

Os questionamentos ganharam mais força devido ao um curto vídeo que mostra dois SU-57 em ala, durante um procedimento de pouso na Base Aérea de Hmeimim, na Síria.

O vídeo que foi divulgado no Twitter ainda é alvo de duvidas sobre a veracidade das imagens. O motivo de tantos questionamentos é que o caça de última geração russo ainda está em fase de testes, ou seja, ainda não está operacional na Força Aérea Russa.

No vídeo que mostra os dois SU-57 é visto também um Sukhoi SU-35, um caça de geração anterior aos SU-57 (4º++). As autoridades russas disseram nesta semana que o caça, apesar de estar na fase de “testes de combate”, não há previsão de início da operacionalidade.

Pelo cronograma inicial a previsão era que a entrada em serviço do SU-57 acontecesse em 2018. Mas talvez essa data seja postergada, visto que o caça recebeu recentemente o seu motor definitivo, que ainda está realizando testes em voo.

O Su-57 é o primeiro caça de 5º geração da Rússia, fora ele no cenário mundial existe o norte-americano Lockheed Martin F-22 Raptor (conhecido por ser o caça mais avançado do mundo, e o também norte-americano F-35).

Abaixo segue um curto vídeo: