MiG-31 com mísseis R-33. Foto via Military Watch Magazine.

Dois caças MiG-31BM Foxhound das Forças Aeroespaciais da Rússia realizaram um treinamento de combate aéreo à curta distância sobre o Oceano Pacífico. O treinamento envolveu o uso de mísseis ar-ar R-73 contra alvos simulados. 

O Ministério da Defesa Russo afirmou que os tripulantes dos caças treinaram o emprego de táticas de combate aéreo aproximado, com uso de manobras mais acentuadas. Confira o vídeo divulgado na última segunda-feira (19). 

Nas imagens, dois mísseis R-73 são disparados pelas aeronaves. Designado AA-11 Archer pela OTAN, o Vympel R-73 é um míssil ar-ar de curto alcance, guiado por calor, com alta capacidade off-boresight. Equivalente ao AIM-9X americano e o IRIS-T europeu, o míssil pode ser usado por todos os caças da Força Aérea Russa. 

O interceptador bimotor de grande porte também pode usar mísseis ar-ar R-33 e R-40 de longo alcance e R-60 de curto alcance (predecessor do R-73 usado no treinamento). Recentemente a aeronave recebeu integração com o míssil de cruzeiro hipersônico Kh-47M2 Kinzhal. 

Nessa semana, um MiG-31BM também da Frota do Pacífico interceptou e acompanhou um avião de reconhecimento eletrônico RC-135V Rivet Joint da Força Aérea Americana.