Vídeo: TAP agora tem um Airbus A330 especificamente para a divisão de cargas

TAP

A pandemia fez muitas companhias aéreas mudarem o seu conceito de operação. Um exemplo era a TAP, que pouco antes tinha pouco foco no mercado de carga e nesta sexta-feira (11/12) apresentou um avião totalmente focado neste tipo de operação.

A companhia separou um Airbus A330-200, de matrícula CS-TOP, para realizar voos exclusivos de carga. Logicamente o avião não foi configurado para ser um cargueiro puro, com a gigante porta de embarque de cargas, no entanto, o interior está totalmente sem assentos, abrindo um amplo espaço para receber cargas.

Na lateral da aeronave podemos ver a pintura “TAP Air Cargo”, outra modificação que foi realizada pela equipe da TAP M&E em Lisboa.

O avião já estava voando para transportar cargas desde o início da pandemia, em fevereiro. A frota de aviões A330 foi essencial para o transporte de suprimentos médicos entre a China e Portugal.

Já na atualidade, o A330 pode ser útil até mesmo no transporte de produtos para o e-commerce, que está em alta no mundo inteiro.

Nesta configuração o Airbus A330 da TAP pode transportar até 35 toneladas de carga, contabilizando a capacidade de porão e interna da aeronave.

A última operação exclusiva de carga realizada pela TAP, utilizando essas cores, foi na década de 1980, utilizando um Boeing 707.


 

DEIXE UMA RESPOSTA