Vietnã impõe limite máximo de 10 anos de uso para a compra de aviões

O Vietnã implementou uma nova medida para as companhias aéreas que operam e são registradas no país, e para muitos é motivo de comemoração.

A partir do primeiro dia do próximo ano (para quem não está na Terra, 2020), as empresas do país ficam limitadas a comprar aviões com no máximo 10 anos de uso, contabilizados através da data de fabricação.

O limite não acaba por aí, todos os aviões de transporte de passageiros devem operar por no máximo 20 anos, também a partir da data de fabricação. Isso pode afetar os contratos de leasing das companhias aéreas, que mesmo comprando aviões novos, devem planejar a substituição das suas aeronaves enquanto no momento da compra daquele avião zero quilômetro.

De acordo com autoridades locais, essas medidas são para evitar incidentes e acidentes, em um momento que as companhias aéreas do país, como a Vietnam Airlines e a Bamboo, estão crescendo em um ritmo acelerado, acima dos 15%.

Curiosamente, todas as duas principais companhias estão optando por renovar a frota, ou comprar novos aviões (no caso da Bamboo), diretamente da fábrica, sem uso.

DEIXE UMA RESPOSTA