Voo da Cargolux transporta ao Brasil 1,5 milhão de doses de vacinas de meningite C

Voo

O Terminal de Cargas do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, recebeu no último dia 27 de agosto mais um voo cargueiro com cerca de 1,5 milhão de doses de vacinas fabricadas pela farmacêutica GSK para prevenção da meningite C.

Todo o material já foi destinado à Fundação Ezequiel Dias (Funed) para que seja disponibilizado para o Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde. 

A operação foi realizada pela Cargolux, em um Boeing 747-400.O voo partiu de Milão, na Itália, e chegou ao aeroporto às 4h30.

Trata-se de mais um esforço conjunto entre os setores público e privado para garantir o abastecimento de vacinas à população brasileira, de maneira que não haja ruptura no calendário de cobertura vacinal no país neste momento de pandemia. 

Para Rafael Laranjeira, gestor Executivo de Soluções Logísticas da BH Airport, a realização desse voo cargueiro é mais um esforço relevante para garantir o fornecimento da vacina para a população.

“Vivemos um momento delicado, em função da pandemia da Covid-19, e mantemos nosso compromisso em contribuir com o transporte de recursos relacionados às ciências da vida. Seguimos à disposição para oferecer sempre soluções logísticas integradas aos nossos clientes”, ressalta Rafael Laranjeira.

 

Terceira operação cargueira em 2020 com vacinas contra meningite C

O voo que chegou hoje, com 1,5 milhão de vacinas contra meningite C, é o terceiro desse tipo recebido este ano pelo Aeroporto Internacional de Belo Horizonte.


Antes disso, em 27 de abril, o Terminal de Cargas recebeu cerca de 4 milhões de doses de vacinas fabricadas pela GSK contra a meningite C. Já em 30 de julho, 3,3 milhões de doses chegaram ao aeroporto.

Em todos os casos, o material foi encaminhado para a Funed para que fosse disponibilizado para o Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde.  

 

Foto em destaque – Divulgação/BH Airport

DEIXE UMA RESPOSTA