United Airlines Boeing 737 Voos
Foto: United Airlines

Diversos voos podem se atrasar por vários motivos, mas um voo da United Airlines se atrasou na última segunda-feira(22) por conta de um spray de pimenta. O voo UA1061 com origem em Fort Myers e destino New York teve pouco mais de 2 horas de atraso.

O voo operado pelo Boeing 737-900ER de matrícula N66893 havia iniciado o pushback pontualmente, entretanto segundos antes de iniciar o taxi para decolagem os pilotos solicitaram o retorno ao gate pois diversos passageiros estavam tossindo dentro de aeronave.

Em tempos onde o Covid-19 convive com a população no mundo todo, é de se assustar ver uma quantidade tão grande de pessoas tossindo em um avião. Porém o motivo da tosse dos passageiros era um spray de pimenta que um dos passageiros sentado na parte de trás da aeronave havia disparado sem querer.

O spray de pimenta era transportado pelo passageiro em seu chaveiro e ao realizar alguns movimentos acabou acidentalmente disparando e causando um grande mal-estar a bordo do 737.

Os passageiros tossiam bastante e alguns tiveram irritação na garganta, a aeronave retornou ao gate e diversos passageiros desembarcaram para serem atendidos. Um spray de pimenta está entre os itens proibidos de serem transportados em voo pela Administração de Segurança do Transporte dos EUA.

“Na segunda-feira, o voo 1061 da United de Fort Myers, Flórida para Newark, New Jersey, voltou ao portão devido a um incidente envolvendo um cliente antes da decolagem, logo depois, o voo partiu com segurança para Newark.” Disse um porta-voz.

Os passageiros que desembarcaram em Fort Myers não conseguiram embarcar no mesmo dia pois a United opera voos a partir de Fort Myers em dias alternados uma vez ao dia. Com isso os passageiros tiveram de acrescentar mais uma dia na Flórida. Alguns passageiros relataram que não receberam ajuda da United para permanecer na cidade por mais um dia.