O A350XWB da TAM Linhas Aéreas, que decolou na tarde desta segunda-feira do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes em Manaus, com destino ao Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, precisou retornar cerca de uma hora após a decolagem, depois que uma das asas chocou-se com alguns urubus, segundo relatos de passageiros que estavam no avião, como relatamos na página Facebook:

«A aeronave colidiu com um pássaro logo após a decolagem, e depois de duas horas no ar, anunciaram que por motivos de segurança a aeronave retornaria ao aeroporto de Manaus»

 


O voo JJ3409, decolou às 16h25 (horário local) e deveria seguir sem escalas até o aeroporto da Grande São Paulo. Porém, o avião aterrisou novamente em Manaus, segundo informou a assessoria de imprensa da Infraero.
De acordo com passageiros que presenciaram a mudança repentina de rota, eles não perceberam nenhuma anomalia durante o voo, e só vieram entender o que estava acontecendo quando foram comunicados pelo capitão que a aeronave estava voltando ao ponto de partida para passar por manutenção, após a asa ter sido atingida por algumas aves. Nenhum pânico ou confusão foi registrado.


A previsão inicial era que o reparo iria levar pelo menos uma hora, mas a ideia da linha aérea era prosseguir com o voo. Porém, com a desistência de cada vez mais passageiros, a TAM acabou cancelando o voo.
A TAM informou que os passageiros estão recebendo a assistência necessária e serão reacomodados em outros voos em direção ao aeroporto de Guarulhos.
A companhia reitera que a segurança é um valor imprescindível, e que todas as suas decisões visam garantir uma operação segura.

COMPARTILHAR