Um Airbus A330-200 da China Southern sofreu um incidente neste domingo (11/06) afetando um dos motores da aeronave, que tem matrícula B-6099. O voo estava indo de Sidney, na Austrália, para Xangai, na China.

O incidente ocorreu durante a decolagem da aeronave, quando o motor Rolls-Royce Trent 772 estava com sua potência máxima, a carenagem do motor cedeu, semelhante ao que ocorreu durante um voo da Egyptair em maio. O piloto desligou o motor esquerdo após ouvir o estrondo e aferir os parâmetros do motor defeituoso e estabilizou em 5000 pés para pousar novamente no aeroporto de origem (Sidney).

Nenhum passageiro relatou ferimentos durante o período em que o motor registrou danos até o pouso da aeronave. A falha estrutural aconteceu na parte anterior ao fan da aeronave, como está disposto nas fotos acima, não sendo na região do reversor ou da saída de ar do motor.

Há 4 semanas ocorreu um incidente semelhante com uma aeronave da Egyptair. A aeronave também estava equipada com motores Rolls-Royce Trent 772, mas nesse caso o piloto não tinha atingido a velocidade mínima de decolagem e conseguiu abordar antes de alçar voo.

This post is available in: pt-brPortuguês