A Embraer transferiu uma fuselagem do E190-E2 da sua fábrica em São José dos Campos para suas instalações em Eugênio de Melo. A fuselagem será utilizada para realizar testes estáticos. Nas próximas semanas, a empresa também vai transferir as asas para o mesmo banco de ensaio.

Foto - Embraer
Foto – Embraer

Os testes estáticos para a montagem da asa-fuselagem representam um passo importante na campanha de certificação do produto, que está planejado para receber a certificação no primeiro semestre de 2018.

No momento a Embraer já realizou o roll-out do primeiro E190-E2, essa aeronave já está realizando diversos testes em solo, que inclusive contou com o primeiro start do motor Pratt & Whitney Pure Power. O estimado pela Embraer na época do roll-out é que a primeira unidade comece a realizar voos até julho ou agosto desse ano.

COMPARTILHAR