O voo MS804 da Egyptair teve fumaça detectada no interior da cabine momentos antes de se acidentar no mar mediterrâneo, de acordo com o Herald Aviation, um site especializado em indústria aérea. Não está claro exatamente o que os poderia significar a presença de fumaça, mas isso pode indicar uma explosão ou um incêndio a bordo da aeronave.

O ACARS (Aircraft Communication Addressing and Reporting System) mostra que por volta de 02h26m (horário local) foi detectado fumaça na banheiro da aeronave.

13278037_1194923113865003_942772171_n
Um minuto depois, outro sensor de fumaça também se ativou. Uma série de falhas continuaram até 02h29m, quando o sistema parou de gravar.

Bob Mann, especialista em aviação americano, disse ao jornal The Telegraph: “Os dados poderiam indicar descompressão rápida, ou fumaça seguida por uma perda progressiva dos sistemas de controle de vôo.”

“Seriam possíveis vários eventos para que possa se verificar esse tipo de situação, incluindo uma bomba, falha mecânica e falha elétrica. Nós realmente precisaremos do gravador de dados para resolver o caso.”

“A situação vai se esclarecer com o vasculhamento dos destroços. Se fosse uma bomba partes da fuselagem estaria curvada, poderia haver estilhaços e haveria também resíduos de explosão.”

 

Fonte – CNN

COMPARTILHAR
Augusto Hardke Fernandes

Sou responsável pela criação e manutenção da infraestrutura tecnológica da Aeroflap e pela relação entre a mesma e o público. O meu objetivo é manter um alto nível de suporte e uma boa interação do internauta com o site, melhorando e trazendo novidades.