Até hoje quem precisava de um drone para utilizar em filmagens tinha três opções básicas, utilizar um Phantom da DJI adaptado para uma Hero da GoPro ou Action Cam da Sony; construir um drone do zero capaz de atender ao seu requisito de operação; ou comprar um genérico no mercado de custo baixo.

Porém a GoPro chegou ao mercado com uma opção genuína e direto da fábrica, o quadricóptero Karma. A proposta do novo drone é oferecer um equipamento compacto o suficiente para ser transportado em uma mochila, e para isso o Karma foi desenhado para ser dobrável e compacto.

gopro-2

Para estabilizar as imagens do voo o Karma conta com um eixo estabilizador removível e pensado para funcionar com qualquer modelo da linha Hero. O controle do quadricóptero pode ser realizado com a ajuda de um dispositivo próprio, com uma tela para acompanhar o voo através das imagens que a GoPro está gravando no momento.

Graças ao seu design dobrável, o equipamento vem com uma maleta personalizada, capaz de guardar todo o equipamento utiliza, incluindo o joystick de controle, duas câmera Hero da GoPro, um equipamento para segurar a Hero 5 na mão com o eixo estabilizador, um local para a fonte ou bateria externa, além dos acessórios de uso, como cartões de memória e panos para limpeza. O Karma tem um app para outra pessoa acompanhar a gravação via tablet ou smartphone.

gopro

Seu preço será bem em conta para um drone de uso profissional com eixo estabilizador, somente o Karma custará US$ 799, US$ 999 com a Hero 5 Session que filma em 4K e, US$ 1099 (R$ 3627) com a Hero5 Black. O equipamento chegará no dia 23 de outubro nos Estados Unidos, e em março de 2017 no Brasil.

 

Confira abaixo os vídeos de divulgação do Karma, da GoPro. (Legendado em Português)

COMPARTILHAR