image
Foto – Ministério da Defesa

Aconteceu hoje a primeira visita da presidente Dilma ao Embraer KC-390, marco histórico, já que o mesmo é o maior e primeiro avião cargueiro construído em solo brasileiro. O evento aconteceu hoje pela manhã na Base Aérea de Brasília e contou com as presenças também do comandante da aeronáutica Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, o gerente de projeto e o presidente da Embraer, Jackson Schneider.

A aeronave que estava cumprindo um dos seus voos de ensaio e certificação deixou a presidente impressionada com a sua eficiência e robustez que disse, “É um avião de carga bem maior, com uma grande capacidade. Sem dúvida nenhuma é algo que deve nos orgulhar, como brasileiros é uma prova de que a engenharia e as empresas brasileiras, juntamente com a indústria de defesa e a política de defesa nacional, são capazes de gerar uma grande vantagem para o país”, ressaltou a presidente.

Dilma também mencionou as missões que o avião será capaz de realizar, como transporte de tropa e equipamentos, evacuação aeromédica, combate a incêndio e reabastecimento em voo. “O avião também vai propiciar para o país divisas em moedas estrangeiras por ser um produto extremamente robusto que tem grande capacidade estratégica. É um feito, sem sombra de dúvidas, da engenharia nacional e da empresa Embraer”, destacou.

A aeronave está sendo desenvolvida para substituir os famosos C-130 Hércules e tem sua previsão de certificação para 2017, “O KC-390 é uma aeronave que vai ser uma marco operacional e doutrinário para a Força Aérea Brasileira. Nessa fase que nós estamos, vamos partir para o que chamamos de congelamento aerodinâmico, em que testaremos a aeronave em um dos componentes principais, que são os lançamentos reais de carga e pessoal”, afirmou o Gerente do Programa do KC-390 na FAB, Coronel Cláudio Evangelista Cardoso.

COMPARTILHAR