Normalmente no Brasil os principais aeroportos são fechados por problemas climáticos, poucos têm problemas com animais na área das aeronaves, como no pátio, taxiway e pista de pousos e decolagens. Porém na última sexta-feira um dos principais aeroportos dos EUA, o John F. Kennedy, em Nova York, registrou uma situação complicada.

Um grupo de tartarugas passou pela pista do aeroporto, e não foi só um grupo, foram várias tartarugas ao mesmo tempo divididas em grupos. Para manter a vida dos animais em segurança uma equipe de resgate foi montada, resultando na retirada de 40 tartarugas do local, elas foram levadas para um ambiente adequado para depositar os seus ovos.

Essa não foi a primeira vez que tartarugas invadiram a pista do JFK, em 2011 um grupo de tartarugas também resolveu visitar o aeroporto. Comumente elas fazem isso no período de migração, durante os meses de junho e julho. 

Em 2013 o Aeroporto JFK recebeu tubos de plástico, que atuam como uma barreira para conter o acesso das tartarugas até a zona de aeronaves, apesar da queda de 50% nos casos os engenheiros descobriram que a barreira fica submersa durante a maré alta, não resolvendo o problema do aeroporto.

Apesar de toda essa situação, os voos não foram atrasados por muito tempo na última sexta-feira no JFK, e os animais saíram em segurança da situação.

COMPARTILHAR