Um bombardeiro B-52 da Força Aérea dos Estados Unidos deixou cair um de seus motores durante uma missão de treinamento em Dakota do Norte, nesta semana, de acordo com a USAF.

A Missão estava sendo realizada na Base Aérea de Minot, em Dakota do Norte, no dia 4 de janeiro. Após perder um de seus motores, que se separou da aeronave, o piloto declarou emergência. Dentro da aeronave só havia cinco pessoas e nenhuma munição de combate, o B-52 tem oito motores TF33 turbofan.

Ao mesmo tempo a Base Aérea de Minot começou a procura do motor por volta do local onde o comandante declarou emergência, utilizando um helicóptero os restos foram achados em uma área sem presença de população a 46 km de distância.

O motor TF33 tem 55 anos desde que foi lançado, ele é marcado por diversas atualizações realizadas pela P&W e pela USAF para melhorar a eficiência e durabilidade do mesmo. Ele é uma versão de uso militar para o motor JT3D, motor derivado do JT3C, responsável também por equipar aeronaves como Boeing 707 e Douglas DC-8.

 

Fonte – FlightGlobal

COMPARTILHAR