O diretor financeiro da United, Andrew Levy, relatou durante a conferência ISTAT Americas em San Diego que a United está interessada no novo projeto da Boeing para criar uma aeronave substituta do Boeing 757.

“Se eles decidirem lançar o avião, nós estaríamos muito interessados ​​em considerá-lo”, disse Andrew Levy sobre o projeto MOM (Middle-Of-the-Market) da Boeing.



“Continuamos a estudar como seria o avião”, disse um porta-voz da Boeing. “Estamos tendo conversas muito produtivas com nossos clientes e consolidando oportunidades.”

Apesar disso a United e a Boeing se recusaram a dizer sobre características estruturais do projeto MOM, como uma fuselagem em formato oval e o tamanho das asas, esta última um grande ponto para definir a autonomia da aeronave e a categoria de operação dela nos aeroportos.

Conceito de fuselagem oval abriga mesma configuração 2-3-2 do Boeing 767, porém em uma fuselagem menor.

A Boeing planeja que esse novo conceito abranja o mercado de 200 a 270 assentos em classe econômica, se mantendo na linha entre o Boeing 787 e o 737 MAX. A aeronave poderá ter até 8400 km de alcance em rota e usará algumas tecnologias do Boeing 777X, como a asa dobrável com estrutura em material composto. Se o programa for aprovado, entraria em serviço em 2024 ou 2025.

Atualmente a Airbus ganhou uma boa parte do mercado de aeronaves entre 190 a 240 assentos com o A321neo, que terá alcance estendido e capacidade para até 240 passageiros, a Boeing planeja uma versão do 737 MAX para concorrer diretamente com o A321neo, a companhia já apresentou até uma perspectiva sobre o 737 MAX 10, a versão MAX 9 não conseguiu ganhar o mesmo mercado do A321neo.

Já a United está interessada em uma aeronave para substituir sua frota de Boeing 767-300ERe Boeing 757-200/300. A companhia está negociando com a Boeing e com a Airbus os modelos 787 e A330neo, respectivamente. Atualmente ela já tem o 787 em sua frota.

“O A321 faz um bom trabalho, mas não satisfaz todas as necessidades que temos fora de Newark “, disse Levy sobre o A321LR.

 

Via – FlightGlobal