Desde o dia 10 de dezembro do ano passado, os paraenses contam com uma nova ligação entre a região Norte e os Estados Unidos.

No próximo domingo (10/06), os voos da Azul que conectam Belém a Fort Lauderdale completam seis meses de operação e registram impactos positivos na economia do estado do Pará. A alta taxa de ocupação nas aeronaves reforça a percepção de que a conexão internacional vem contribuindo para a ampliação do trânsito de turistas entre os países, o que resulta no fortalecimento das atividades econômicas da região.

Em seis meses, foram 165 voos realizados pela Azul entre Belém e Fort Lauderdale. Até o início deste mês, quase 30 mil passageiros viajaram nesse mercado, atendido com frequências às segundas, quartas, sextas e domingos. Sem precisar se deslocar até as capitais do Sudeste para, então, chegar aos Estados Unidos, clientes do Pará e dos demais estados que compõem a região Norte do país contam com a comodidade e conveniência dos voos diretos quatro vezes por semana.

Atenta às necessidades, a companhia promoveu mudanças no cardápio do voo e aperfeiçoou o sistema de entretenimento a bordo. Nas recém-chegadas aeronaves A320neo, que operam a rota, os clientes da Azul podem baixar gratuitamente o Azul Play, um aplicativo da companhia composto por uma seleção exclusiva de filmes e séries.

O Vice-Presidente de receitas da Azul, Abhi Shah, comemora os resultados da ligação internacional e enumera os benefícios proporcionados aos clientes da região Norte com o novo voo.

“Essa frequência para Lauderdale faz parte de um plano de ampliação das nossas operações em Belém, possibilitando que os clientes das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste cheguem aos EUA de maneira mais rápida. Estamos muito satisfeitos com os resultados já apresentados nesse mercado e queremos melhorar ainda mais o nosso produto. Com aeronaves de última geração e um atendimento aprimorado, nossa expectativa é garantir o serviço e o conforto característicos da Azul”, comenta Abhi.

This post is available in: pt-brPortuguês